Os principais cuidados com a respiração do bebê nos primeiros meses

Com o nascimento de um filho, existem uma série de preocupações que podem tirar o sono de muitas mamães. 

 

Você provavelmente já ouviu histórias de mamães que acordam durante a noite para checar a respiração do bebê ou, até mesmo, colocar um espelho na frente do nariz para verificar se ele está respirando normalmente. 

 

Neste artigo, vamos te explicar detalhadamente quais são os principais cuidados para identificar uma respiração saudável dos bebês. 

 

Como saber se o bebê está respirando normalmente? 

 

Antes de verificar a respiração do bebê, é importante saber que a frequência da respiração dos pequenos é diferente da nossa. Um bebê é capaz de respirar cerca de três vezes mais rápido que um adulto. 

 

Na fase adulta, a respiração acontece entre 16 e 20 vezes por minuto. Enquanto um bebê, geralmente, respira em torno de 30 a 60 vezes por minuto, considerado pelos pediatras como um tipo de respiração abdominal. 

 

A frequência de respiração da criança vai diminuindo com o tempo e, por volta dos 9 anos, começa a entrar no ritmo da respiração de um adulto. 

 

É necessário checar a respiração do bebê durante a noite? 

 

Muitas mamães têm essa preocupação para garantir a segurança do bebê, mas será que é realmente necessário? Os pediatras indicam que essa prática deve ser realizada exclusivamente para bebês prematuros ou com condições respiratórias especiais.

 

Em outros casos, quando o bebê não tem nenhuma doença respiratória diagnosticada, não é necessário a checagem durante a noite. 

 

Alguns bebês podem se mover bastante ou ter o ritmo da respiração alterado, mas isso pode acontecer devido aos estágios do sono que o bebê costuma passar durante a noite. 

 

Dicas para saber se a respiração do seu bebê está normal  

 

A respiração saudável de um recém-nascido costuma ter mais de uma característica, ela pode variar de uma respiração mais profunda, com intervalos mais rápidos, que estão diretamente relacionados aos estímulos do bebê. 

 

Para saber se o ritmo da respiração da criança está normal, separamos três dicas rápidas que podem te ajudar: 

 

Com os ouvidos levemente próximos do nariz e boca do bêbê, tente identificar o som da respiração, se existem momentos mais curtos e profundos. 

 

Nesta posição, olhe para o peito do bebê e repare se existe o sobe-e-desce característico da respiração. 

 

Por último, aproxime a sua bochecha ou até mesmo as mãos perto do nariz e boca do bebê, e tente sentir a respiração contra a pele. 

 

Uma maternidade segura garante a saúde do bebê

 

Caso exista alguma alteração na respiração do bebê, é importante procurar um médico imediatamente. Para esse tipo de cuidado e atenção, muitas mamães podem contar com benefício que é um direito garantido por lei. 

 

Para saber mais sobre o auxílio-maternidade, faça a nossa AVALIAÇÃO GRATUITA e saiba se você tem esse direito. 

Compartilhe este artigo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on google

Garanta seu auxílio maternidade

Fale com um especialista e descubra hoje se você pode ter direito ao benefício.

Posts Recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *