05 Dicas para combater o sedentarismo do seu filho:

Esse período de quarentena vem contribuindo para que as crianças fiquem mais paradas em casa, presas em frente à televisão, ao vídeo-game e demais aparelho eletrônicos. Outro fator que aumenta com as crianças em casa, é o apetite! Há crianças que querem comer o tempo todo e na maioria das vezes não são alimentos saudáveis. O sedentarismo aliado à má alimentação é uma combinação perigosíssima!

Vamos por os pequenos para se mexerem!?

O principal gatilho para que as crianças pratiquem atividade física é combinar diversão e satisfação, a atividade tem que ser agradável, tem que ser algo que a criança goste e se sinta bem fazendo. 

Bom vamos às dicas:

  1. Comece por você! Seja o exemplo, faça exercícios e convide seu filho ou filha para praticar junto, mostre como vai ser bacana se exercitar na companhia da mamãe ou do papai;
  2. Trabalhe a sua criatividade! Um móvel, a vassoura, o lençol, os brinquedos, tudo pode ser usado para a criação de alguma atividade que movimente e divirta. A área de serviços, o corredor, a sala com os móveis afastados, podem ser ótimos espaços para uma trilha com obstáculos 😉 

Se você tiver quintal, em dias de muito calor, atividades com água são diversão garantida;

  1. Não force, dialogue e negocie. A atividade física não deve ser uma obrigação e sim, se tornar uma vontade espontânea. Condicione o tempo diante dos eletrônicos ao tempo de exercícios físicos, negocie também as guloseimas, chocolate só depois de pular corda! 😀 

Faça tudo sempre mostrando o lado agradável da prática;

  1. Verifique se o desânimo da criança não está associado à algum fator psicológico como a depressão. Observe o comportamento do seu filho ou filha, converse, pergunte, estimule, e se for o caso, procure ajuda de um psicólogo;
  1. Quando a pandemia passar, iniciar o seu filho ou filha em uma prática esportiva, vai ser uma escolha certeira! Esporte é divertido, é agradável, é sociável, é saudável, é tudo de bom! O importante é achar aquela prática que mais combina com a criança, pois todas possuem habilidades, é só combinar essas habilidades com a modalidade esportiva correspondente.

Como em qualquer outra vertente da educação, tirar a criança do sedentarismo tem como principal trunfo, o diálogo. É conversando, tendo paciência e mostrando os lados positivos, que a motivação acontece. 

Conte para nós, como está a disposição aí na sua casa?

Até o próximo post 😉

Compartilhe este artigo!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on google

Garanta seu auxílio maternidade

Fale com um especialista e descubra hoje se você pode ter direito ao benefício.

Posts Recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *